Cristiano Ronaldo passa Ali Daei e se torna o maior artilheiro de seleções da história

Cristiano Ronaldo passa Ali Daei e se torna o maior artilheiro de seleções da história

 Nesta quarta-feira, Cristiano Ronaldo quebrou um recorde que parecia impossível de ser batido há alguns anos. Ao marcar para Portugal sobre a Irlanda, pelas eliminatórias europeias para a Copa do Mundo 2022, o craque do Manchester United chegou a incríveis 110 gols por sua seleção.

A estreia de CR7 pelo Manchester United, contra o Newcastle, dia 11 de setembro, às 11h (de Brasília), terá transmissão pela ESPNCom isso, Cristiano ultrassou o lendário Ali Daei, que fez 109 tentos pelo Irã, e se tornou o maior artilheiro de seleções de forma isolada.

Ronaldo, aliás, havia empatado com Daei em 23 de junho deste ano, quando anotou sobre a França, pela fase de grupos da Eurocopa. Agora, porém, o português é dono da 1ª posição de forma isolada, e parece pouquíssimo provável que irá perder esse trono algum dia.

Veja o top 10 dos maiores artilheiros de seleções

1. Cristiano Ronaldo (Portugal): 110 gols
2. Ali Daei (Irã): 109 gols
3. Mokhtar Dahari (Malásia): 86 gols
4. Férenc Puskás (Hungria): 84 gols
5. Kunishige Kamamoto (Japão): 80 gols
6. Godfrey Chitalu (Zâmbia): 79 gols
7. Hussein Saeed (Iraque): 78 gols
8. Pelé (Brasil): 77 gols
9. Sándor Kocsis (Hungria): 75 gols
10. Bashar Abdullah (Kuwait): 75 gols

Cabe recordar que Ali Daei clama ter 111 tentos pelo Irã. No entanto, a Fifa não contabiliza dois tentos marcados pela seleção olímpica do país. É justamente que, por isso, Cristiano Ronaldo passa a ser considerado o maior artilheiro de seleções da história a partir desta quarta-feira.


Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال